Você está aqui

Análise do juice Sargas – Constellation Steam

 

Hoje vou falar do Sargas, análise inédita aqui no Vapor Gourmet da marca Constellation Steam que gentilmente enviou amostras para que eu pudesse provar e dizer o que penso.

Continuo sempre agradecendo aos juicemakers pelo carinho e reconhecimento deste trabalho que venho desempenhando com o objetivo de ajudar a divulgar as marcas de juices nacionais e também auxiliar a quem nunca experimentou estes sabores a saber um pouco do que vai encontrar, facilitando na escolha.

Se quiser saber mais sobre a Constellation Juices, veja análise que fiz da marca, embalagem e site através deste artigo.

Sabor e Vapor


Para esta análise usei um Velocity V2 com dual fused claptons dando 0.24 ohms e wickei usando algodão Cotton Bacon no estilo Scotish Roll. As coils como são mais parrudas exigiram 90W de potência nominal para meu sweet spot, com pré-heat de 100W por 1 segundo.

Acessando o recém lançado site da Constellation Steam temos a seguinte descrição do Sargas:

Mistura de creme com algumas frutas, em especial morango, formando uma mistura muito deliciosa, que assemelha-se a balas de iogurte!

Curioso que só eu, fui atrás do significado de Sargas e não por coincidência é o nome grego dado a estrela Theta Scorpii, da constelação de Scorpius, afinal de contas é um juice da Constellation Steam não é mesmo? Uma boa coincidência pois eu sou do signo de escorpião (se você acredita em horóscopo, claro).

Abrindo o frasco o aroma de morango é característico, mais azedo do que doce, se aproximando mais da fruta do que uma sobremesa. Porém há um doce na nota de fundo, como se fosse uma bala ou chiclete, aquele doce mais agudo.

Provando o Sargas a descrição do fabricante se encaixa fielmente ao sabor, mas apesar de ser um morango azedinho e com a contrapartida de ter um doce no final, considero mais acertado que seja considerado um iogurte grego do que uma bala de iogurte, pois falta a pungência aguda do doce que as balas normalmente possuem, o que para mim é um ponto muito positivo pois não são muito fã de balas e chicletes.

Nas notas altas, ao puxar o vapor, é perceptível primeiramente o leve azedo do iogurte, quando nas notas de base, quando soltamos o vapor, o morango está bem definido. Existe uma nota de correlação de dragonfruit (conhecida por aqui por pitaia) que adiciona uma nota mais azeda e potencializa o morango na receita, além de um creme leve que eu não tive a capacidade de identificar, não é nada pesado como um custard pois não há nota amanteigada na receita, é simplesmente um creme neutro, que deixa o sabor mais arredondado.

A Constellation Juices oferece o Sargas em duas versões de blend em seu site, 70% de VG com 30% de PG e 60% de VG com 40% de PG.

Recebi a versão de 60% de VG com 40% de PG e apesar de considerar uma boa produção de vapor, acredito que este juice se beneficiará mais da versão com 70/30 pois seus sabores são mais agudos e não devem perder potência ao serem diluídos em mais VG, porém terão mais volume de vapor e a glicerina deve inclusive ajudar a potencializar o doce, já que ela é naturalmente adocicada, combinando melhor com o conjunto da obra.

Experiência e conclusão


Primeiro juice que provo da Constellation Juices e a coisa começou bem. É um juico bem saboroso, doce quando precisa ser doce, azedo quando precisa ser azedo, é uma ótima combinação de iogurte e morango que inclusive me inspirou a tentar essa combinação em um próximo DIY.

Se você gosta de morango o Sargas é uma opção diferenciada das tradicionais receitas de sobremesas de morango com cremes e baunilha, bem mais comuns por ai.

Marca Constellation Steam
Nome do juice Sargas
Principais notas Iogurte de morango
Site do fabricante www.constellationsteam.com

 

 

 

 

Artigos relacionados

Leave a Comment